Encontre-nos no FacebookTwitterAssista aos videos do YoutubeRSSE-mail

Os professores mexicanos estão em greve há mais de um mês. Eles são contrários a uma lei recém-aprovada que modifica a carreira.

http://www.anovademocracia.com.br/118/17a.jpg
Professores mexicanos estão em greve há mais de um mês.

Os professores estão permanentemente mobilizados em grande parte do país, principalmente na capital, Cidade do México, e em Oaxaca, ao sul, desde 19 de agosto. Em 23 de setembro, marcharam do Monumento da Revolução, onde quase dez mil docentes estão acampados, até a secretaria de governo para exigir a abertura de uma mesa nacional de negociação.

Os protestos, marchas, bloqueios de ruas, ocupação de prédios públicos se espalharam por 25 estados mexicanos, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE).

Para o próximo dois de outubro é esperada uma grande mobilização em todo o país, com protestos na capital e em outras cidades. Os professores estão recebendo o apoio de várias organizações sociais e da população mexicana, principalmente do movimento estudantil.

Entre os dias 18 e 20 de outubro, a CNTE realizou uma greve cívica nacional. A intenção era se contrapor à Lei Geral de Serviço Profissional Docente (LGSPD), que determina que qualquer professor que falte três dias sem justificativa será automaticamente demitido.

Negociação

Supostamente, os dirigentes sindicais fizeram um acordo com o governo, no último 20 de setembro, para o fim da greve e do acampamento na capital mexicana. Os professores deveriam retornar às suas cidades e repor os mais de 25 dias de paralisação. Mas as bases não aceitaram a decisão e convocaram a categoria a radicalizar os protestos, já que não houve avanços significativos nas negociações.

Conteúdo exclusivo para assinantes
    • Estado de exceção Padrão FIFA

      Manifestação na Praça Saens Peña, Tijuca, Zona Norte do RJ, no dia da final da Copa, 13/7 Nas últimas semanas, enquanto a TV tentava distrair as massas com o circo da Copa, o gerenciamento Dilma aprofundava o estado de exceção que vem sendo rapidamente instalado contra os pobres e lutadores...

    • Israel lança terror sobre Gaza (de novo)

      Grafite em apoio ao povo palestino feito na Galícia, região autônoma do Estado espanhol Em 7 de julho, o Estado genocida de Israel dava início a nova, covarde e sanguinária série de bombardeios contra a Faixa de Gaza. Na madrugada do dia 8 para o dia 9 de julho, entrando no segundo dia da operação “Margem...

    • O retrato moral de um país

      A “Copa das Copas”, que fiasco! E não podia haver resultado melhor do que a surra vexatória que a seleção brasileira levou da Alemanha, que expressasse melhor o fiasco do plano petista de usar a Copa para engabelar o povo com patriotadas, às vésperas das eleições. Mais do que um resultado...

Tribunais secretos, prisões, agressões, ameaças, cárcere privado: Um Brasil sem direitos
Tribunais secretos, prisões, agressões, ameaças, cárcere privado: Um Brasil sem direitosFotógrafo é atacado por jornaleiro e policiais e tem sua câmera destruídaPM cerca, bate, rouba e prende para garantir a final da Copa no Rio
AND 134
AND agora tem conteúdo exclusivo para assinantes
Digite nome de usuário e senha para ter acesso a todos os artigos

Apoie A Nova Democracia

jeremias-blogDurante seus 9 anos de existência, disponibilizamos todo o conteúdo do jornal A Nova Democracia na página da internet sem qualquer custo aos leitores.

Divulgamos as notícias que a imprensa do imperialismo, da grande burguesia e do latifúndio escondem: revelamos que este sistema podre de exploração e opressão dos povos está em crise, demonstramos com fatos a luta de resistência dos povos, damos voz à autêntica cultura popular, denunciamos os crimes do Estado contra o povo, exaltamos a luta e as realizações das classes trabalhadoras.

Para prosseguirmos e avançarmos com o esse trabalho, pedimos o apoio de nossos leitores para que apoiem efetivamente a imprensa popular e democrática, colaborando materialmente para sua manutenção.

Qualquer quantia, somada ao apoio de outros leitores, significará um grande apoio à luta por desenvolver uma imprensa à serviço da luta do povo brasileiro por uma nova economia, uma nova política, uma nova cultura, enfim, uma Nova Democracia. 

Clique aqui e veja as várias maneiras de fazer sua doação de qualquer valor