PB: Comitê Sanitário prossegue organizando as massas em Campina Grande

A- A A+

Moradores posam para foto com exemplares do Jornal A Nova Democracia. Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

O Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande (Paraíba) segue mobilizando seus integrantes, as massas populares, para defender-se da pandemia e contra o descaso do velho Estado. Desde o início da crise sanitária, o CSDP vem organizando e realizando diversas ações de solidariedade popular e de agitação, conscientização e organização do povo nas periferias de Campina Grande. As ações vão desde arrecadação e confecção de máscaras, pacotes de proteção individual, de limpeza pessoal e cestas de alimentos, até vigorosas panfletagens de denúncias sobre o descaso do velho Estado para com o nosso povo, apontando o caminho da organização popular, classista e combativa como única forma de superar a crise econômica, política e sanitária.

Nos últimos dias 23 e 24 de julho, o CSDP se somou à Campanha Mãos Fraternas de doação de alimentos realizada em parceria com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e com o Comitê em Defesa dos Direitos dos Trabalhadores e das Liberdades Democráticas, durante a qual foram distribuídas mais de cinco toneladas de alimentos sem agrotóxicos doados pelos camponeses às comunidades da cidade. Paralela a esta ação, o CSDP, com suas campanhas de arrecadação, conseguiu confeccionar e distribuir pacotes de limpeza pessoal junto à população da favela do Papelão, além de pressionar a prefeitura para que fosse feita a devida coleta de lixo no local, que se encontra completamente abandonado pelo velho Estado.

No mês passado, o CSDP também realizou uma vitoriosa ação de distribuição de mais de 300 máscaras de proteção e 60 pacotes de produtos de limpeza e higiene pessoal nos conjuntos populares periféricos em parceria com o Bruta Flor Coletivo Feminista. Juntamente à distribuição dos pacotes, foi realizado também um vigoroso trabalho de divulgação e distribuição de exemplares do AND, que teve grande repercussão junto às massas.

O Comitê também se reúne e faz ações desse tipo numa base semanal, além de prestar assistência e solidariedade em inúmeros casos individuais de infectados pela Covid-19 e de situações mais críticas de pessoas necessitadas nos bairros onde atua.

Enquanto o velho Estado brasileiro e o governo fascista de Bolsonaro e dos generais abandonam o povo à própria sorte e executam toda sorte de medidas genocidas e antipovo, as massas se organizam e mostram que são capazes de se constituírem na defesa dos seus mais idílicos interesses.

Só o povo, organizado em CSDP, planejando e executando ações de solidariedade classista e elevando a consciência das massas para a luta, poderá superar a crise sanitária e derrotar a pandemia e o descaso do velho Estado.

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

Foto: Comitê Sanitário de Defesa Popular (CSDP) de Campina Grande

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Fausto Arruda

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ana Lúcia Nunes
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira

Ilustração
Taís Souza