CE: Moradores procuram alimentos em caminhão de lixo em Fortaleza

Em meio a fome, pessoas procuram alimentos em caminhão de lixo em Fortaleza, no Ceará. Foto: Reprodução.

Moradores foram filmados procurando alimentos em caminhão de lixo, no bairro Cocó, em Fortaleza, capital do estado do Ceará. O vídeo foi gravado no dia 28 de setembro, porém foi divulgado em redes sociais no dia 17 de outubro.

O autor das imagens foi o motorista de aplicativo André Queiroz. Sobre o episódio ele disse: "muito triste. Existem cenas como essa sempre naquela região. Sempre vejo, mas não como essa daí. Por isso resolvi filmar. É bem impactante", contou o motorista.

O bairro Cocó fica numa área nobre de Fortaleza, os alimentos que as pessoas buscavam foram descartados por um supermercado localizado no bairro.

Um funcionário desse supermercado contou em entrevista ao site G1, do monopólio de imprensa, que a busca por comidas descartadas acontece semanalmente.

"É isso aí que você vê no vídeo. Faz pena ver essas pessoas nessa situação humilhante. São idosos e até crianças, algumas vezes. As crianças chegam a entrar no caminhão. Os próprios lixeiros ficam sensibilizados. Alguns chegam até ajudar", conta o homem.

O funcionário também conta que anteriormente eram catadores de materiais recicláveis que procuravam itens no lixo do supermercado e no caminhão do lixo, porém agora são famílias inteiras que procuram restos de comida para se alimentar.

"Eram catadores que procuravam material para ser reciclado. Hoje o que vemos aqui é gente atrás de se alimentar. Eles pegam tudo. Hortaliças, mortadela, pão vencido e também as frutas. Uma cena de cortar o coração", relata.

117 milhões passam fome 

Pelo menos 117 milhões de brasileiros encontram dificuldades para se alimentar como deveriam. É o que revelou uma pesquisa feita pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan).

O Nordeste é a região que concentra 7,7 milhões de pessoas atingidas pela fome. Cenário semelhante se vê no Norte: concentrando apenas 7,5% dos habitantes do Brasil, 14,9% do total das pessoas com fome estão ali.

No Norte e Nordeste, a fome atinge 60% e 70% das famílias, respectivamente. A pior situação de fome (a insegurança alimentar grave) afeta 18 a cada 100 nortistas e 14 a cada 100 nordestinos.

No Ceará, onde foram registradas as imagens, cerca de 1 milhão de pessoas vivem na extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 89, segundo o Ministério da Cidadania.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin